Sábado, 16 de Janeiro de 2021 15:54
18 99746 6403
Cidades Pedágios

Reajuste de 1,88% entra em vigor no dia 1º de dezembro nas praças de pedágios da Rodovia Raposo Tavares

Atualização dos valores segue os critérios contratuais, com a correção de inflação pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado entre julho de 2019 e junho de 2020.

23/11/2020 08h42
Por: Redação Guia Online Parapuã - Diogo Oliveira Fonte: Informações G1
Foto: Murilo Zara/TV Fronteira
Foto: Murilo Zara/TV Fronteira

Após adiamento de quase seis meses, entrará em vigor a partir da 0h do próximo dia 1º de dezembro o reajuste contratual anual de 1,88% das tarifas de pedágio da Rodovia Raposo Tavares (SP-270), na região de Presidente Prudente.

Os valores estão publicados no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (20). A atualização da tarifa segue os critérios contratuais, com a correção de inflação pelo indicador econômico do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado entre julho de 2019 e junho de 2020.

De acordo com a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), o reajuste deveria ter entrado em vigor em 1º de julho, conforme estabelecido em contrato de concessão válido para as rodovias das três primeiras etapas do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo – no qual está incluída a Concessionária Auto Raposo Tavares (Cart), que atua na região de Presidente Prudente –, mas foi postergado em razão da pandemia da Covid-19.

No Oeste Paulista, os pedágios instalados na SP-270 e sob a administração da Cart funcionam nas seguintes cidades:

  • Caiuá;
  • Presidente Bernardes;
  • Rancharia; e
  • Regente Feijó.

A tabela completa com as tarifas que passarão a vigorar pode ser acessada no link.

Ainda segundo a Artesp, as concessionárias de rodovias paulistas, durante o período de isolamento social, por estarem classificadas como serviço essencial, mantiveram as atividades operacionais nas estradas, como obras, serviços de manutenção, atendimento ao usuário e prestação de socorro, bem como estabeleceram um protocolo de apoio aos motoristas, especialmente os caminhoneiros, com diversas iniciativas, como campanha de vacinação, distribuição de kits de higiene e alimentação.

Ele1 - Criar site de notícias