Quinta, 09 de Julho de 2020 18:03
18 99746 6403
Cidades Quarentena

Região de Marília retrocede e terá que fechar o comércio novamente a partir de segunda-feira

Somente serviços essenciais vão funcionar. Medida abrange os comércios de Parapuã, Osvaldo Cruz, Adamantina, Flórida Paulista, Inúbia Paulista, Lucélia, Mariápolis, Pacaembu, Pracinha, Rinópolis, Sagres e Salmourão.

19/06/2020 13h32 Atualizada há 3 semanas
Por: Redação Guia Online Parapuã - Diogo Oliveira
Região de Marília retrocede e terá que fechar o comércio novamente a partir de segunda-feira

 

Em nova coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira (19) o Governador do Estado, João Dória (PSDB) anunciou que a região que compreende ao Departamento Regional de Marília, onde inclui os municípios de Parapuã, Osvaldo Cruz, Adamantina, Flórida Paulista, Inúbia Paulista, Lucélia, Mariápolis, Pacaembu, Pracinha, Rinópolis, Sagres e Salmourão voltarão para a fase vermelha do Plano São Paulo que flexibiliza as restrições ao comércio e serviços não essenciais, impostas por conta da pandemia.

Deste modo, serviços considerados não essenciais como comércios, shoppings, atividades imobiliárias, concessionárias e escritórios vão ter que fechar as portas. Os únicos que vão continuar os atendimentos com cuidados e medidas de higiene rigorosas, são aqueles que prestam serviços essenciais (Farmácias, Supermercados etc).

A medida se aplica a partir da próxima segunda-feira (22). As regiões serão avaliadas periodicamente de acordo com os indicadores de saúde, verificando se cumprem os critérios para avançarem a uma fase de maior relaxamento a cada 14 dias ou voltar para uma fase mais restrita a cada 7 dias (ou imediatamente, caso haja evidência da piora da situação).

O aumento 51% nas internações em Marília e cidades próximas teria justificado a mudança.

Ele1 - Criar site de notícias