Quinta, 09 de Julho de 2020 16:45
18 99746 6403
Cidades Fugiu!

Paciente com suspeita de Covid-19 foge do Hospital Regional em Presidente Prudente

Mulher, de 55 anos, estava internada desde o dia 29 de maio.

03/06/2020 08h56
Por: Redação Guia Online Parapuã - Diogo Oliveira Fonte: G1
Paciente com suspeita de Covid-19 foge do Hospital Regional em Presidente Prudente

Uma mulher de 55 anos que estava internada com suspeita de Covid-19 no Hospital Regional, em Presidente Prudente, fugiu da unidade na tarde desta terça-feira (2). O caso foi registrado na Delegacia Participativa da Polícia Civil.

Segundo as informações contidas no Boletim de Ocorrência, uma enfermeira do HR compareceu na delegacia para comunicar a fuga da paciente, que é natural e moradora de Presidente Prudente.

Ela estava internada desde às 12h49 do dia 29 de maio e fugiu do hospital sem as devidas autorizações, de acordo com o boletim.

A enfermeira ainda esclareceu na ocorrência que a paciente estava internada com suspeita de Covid-19, sendo feito os exames e até o presente momento não saíram os resultados.

Hospital Regional

Em nota à TV Fronteira, o Hospital Regional informou que a paciente, uma mulher de 55 anos, deu entrada na unidade no dia 29 de maio com suspeita de Covid-19, onde permaneceu internada sob cuidados médicos e multiprofissionais na enfermaria destinada aos pacientes com suspeita da doença causada pelo novo coronavírus.

Na tarde desta terça-feira (2), "a paciente falou que não gostaria mais de ficar internada, e decidiu retornar à sua residência, alegando que a mesma estava sob risco de ser assaltada por estar vazia".

No momento do ocorrido, o estado de saúde dela era considerado estável, segundo o hospital.

"Neste momento, estamos em contato com a família para reforçar as orientações de isolamento da paciente", concluiu a unidade de saúde.

Boletim epidemiológico

Conforme boletim oficial divulgado às 17h16 desta terça-feira (2), Presidente Prudente possui 157 casos positivos do novo coronavírus, com dez mortes confirmadas.

O balanço aponta que 19 pessoas estão hospitalizadas, sete delas em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Entre os pacientes internados há casos suspeitos e confirmados.

A cidade possui 860 notificações da doença. Desse total, 667 já foram descartadas e 36 pessoas aguardam resultados de exames, incluindo dois óbitos suspeitos.

Ele1 - Criar site de notícias